#topcine: A verdade nua e crua

12:27


Sejamos sinceros: quem nunca começou a assistir filmes de um(a) determinado(a) ator(atriz) por ter se encantado por ele(a)? Na minha humilde opinião, Katherine Heigl é uma atriz e tanto e já comecei a ser fã da moça em Grey’s Anatomy.



Na comédia romântica A verdade nua e crua (2009) do diretor Robert Luketic (Legalmente Loira e A Sogra), Katherine (Ligeiramente Grávidos e Como agarrar meu ex-namorado) interpreta Abby Richter, produtora de um programa de televisão conservadora e completamente competente.
Ao ver os índices de audiência caindo, seu chefe Stuart (Nick Searcy – O júri e Controle Absoluto) decide contratar Mike Alexander (Gerard Butler – Gamer e P.S. Eu Te Amo) do programa “A verdade nua e crua”, da emissora concorrente.



Recatada, Abby passa a ver todo o seu esforço de manter o programa no ar indo por àgua abaixo, já que seu novo companheiro é um homem machista, grosseiro e especializado em mostrar o que realmente atrai os homens nas mulheres.



Abby, no entanto, não tem uma vida amorosa digna e seus relacionamentos estão em baixa. A moça decide pedir ajuda – desesperadamente! – aos serviços do “consultor” para conquistar seu novo vizinho médico, bonito e solteiro.



Em meio a encontros em jantares de negócios, Abby percebe que sabe pouco sobre como conquistar um homem, descobre também que passou a ser quem nunca foi para ter um relacionamento.



Entre escolhas de roupas certas e atraentes e de calcinhas vibratórias, a produtora perceberá que seu colega de trabalho pode ser muito mais do que um simples consultor de relacionamentos.


Assista ao trailer do filme



You Might Also Like

0 comentários